Comlurb faz poda na árvore nos jardins das Casas Casadas

Nesta manhã de quinta-feira 29/11 a Comlurb iniciou a poda na árvore que fica na entrada dos jardins das Casas Casadas. Uma das principais características de uma poda é tornar a árvore simétrica em sua copa, com os dois lados equilibrados. Além da preservação do vegetal, a poda também tem grande importância na solução de conflitos com fachadas e telhados dos imóveis, iluminação pública e sinalização de trânsito (semáforos e placas).

 

Todos os pedidos de poda passam por vistoria prévia de engenheiros agrônomos e florestais da Comlurb, que emitem laudo técnico atestando ou não a necessidade do serviço. Os garis que atuam na área são habilitados para o manejo arbóreo e de equipamentos através de cursos com esses profissionais e todos os serviços são orientados por eles.

 

Segundo Patrícia Araújo, Gerente de Licitações e Contratos, “de tempos em tempos, a grande árvore localizada no pátio das Casas Casadas necessita de uma poda de adequação, pois a mesma, por ser tão antiga, pode causar danos incontornáveis ao patrimônio”.

 

“O crescimento exagerado desta árvore coloca em risco as telhas de cerâmica, tipo francesa, ornados com lambrequins sobre os beirais, que marcam os eixos da composição do imóvel. Este crescimento também pode fazer com que os galhos mais fracos caiam, atingindo as pessoas e os carros na área externa da Casa. Além de todos esses danos, a fachada da casa fica comprometida, escondendo a beleza do patrimônio”, afirma Patrícia.