Espaços culturais do Rio passarão a ter atendimento prioritário a pessoas com autismo

Na quinta-feira, dia 21 de novembro, a Cidades das Artes vai incluir o símbolo mundial do Autismo nas placas de atendimento prioritário. Será o primeiro dos 62 equipamentos da Secretaria Municipal de Cultura a ter a referência. Diz respeito à Lei do Lacinho, de autoria da vereadora Tânia Bastos. Um evento na própria quinta, com a presença do secretário Adolpho Konder e da vereadora vai promover a iniciativa.